Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

Ópera de Rua

Começa hoje, dia 30 de abril, a Temporada 2011 do Grupo Ópera de Rua de Brasília, com reapresentações do Auto do Pesadelo de Dom Bosco, de Jorge Antunes. Com apoio do FAC-DF, o espetáculo ao ar livre será apresentado em 10 cidades do Distrito Federal, de 30 de abril a 5 de junho, todos os sábados e domingos às 16h30.

A Ópera de Rua Auto do Pesadelo de Dom Bosco faz o público rir, protestar, vaiar e acompanhar a criatividade e a irreverência do compositor e maestro Jorge Antunes. Trata-se de um protesto político-cultural bem-humorado, inspirado na tragicômica situação da política de Brasília.

Jorge Antunes, motivado pelos vídeos em que deputados recebem propina, e por fatos como a doação de panetones, concebeu a ópera em forma de cordel na qual os corruptos são julgados pelo povo, com história e personagens da Idade Média: Suseranos, Burgomestres, Vassalos, Reverendos, Bruxa, etc.

A música, mistura de linguagens medievais e nordestinas, guia o julgamento entoado por um cor…

Queria sair assim...

Imagem
Não sou muito de seguir tendência e nem tão pouco de querer ser igual a ninguém (tenho meu estilo próprio), mas tenho que confessar que vendo esse look, desejei sair de casa hoje assim... Look perfect!!


Boho-Chic

Imagem
Amei os looks, fotografia, cenário... alguma novidade nisso? Esse ensaio saiu na Vogue Germany em março, mas achei ele tão lindo - meio boho-chic, meio country (!??) - que mesmo não sendo atual, resolvi postar. Beautifull not?

Foto: Vogue

Olha eu aqui

Imagem
Confesso que não me recordava de ter mandado essa foto para a C&A, mas admito: adorei me deparar com uma foto minha na revista da loja que uso há anoooos (bem antes de ser essa loja moderna com modeletes lindas como garotas propaganda). Aprecie com moderação.


Foto: Reprodução

Catherine ♥ William: Conto de fadas REAL

Imagem
Finalmente o tão aguardado dia - para Kate e as fashionistas do mundo inteiro - chegou. Hoje, às 7h no horário de Brasília, foi transmitido o casamento do príncipeWilliam e Kate Middleton. Confesso que não sou fã do rei Charles (motivos óbvios), da rainha Elizabeth, da frieza britânica, enfim, de Londres (e não me pergunte o porquê), mas qualquer mulher há de se render a uma grande história de amor, ainda mais quando tem príncipe, plebéia e final feliz. Não acho nada demodê, pelo contrário, acho lindo histórias onde o amor é o foco principal numa cerimônia 
Como era de esperar, a cerimônia teve todo o protocolo de uma cerimônia real - e por isso parecia uma eternidade - mas nem isso tirou o brilho da celebração. A basílica era um show a parte e dispensava qualquer decoração. O vestido, a maior especulação de todos os tempos, foi um Alexander McQueen by Sarah Burton: mistura renda francesa (Chantilly) e inglesa, com cauda de 2m70. Clássico, chique e atemporal. Esperava algo exatamente…