30 abril 2012

Você aproveita bem o seu tempo???


Assisti recentemente dois filmes que mexeram comigo... bastante, eu confesso! De uma forma ou de outra, o enredo dos mesmos trata basicamente de uma coisa: TEMPO! Como você o aproveita? Melhor, você aproveita ou desperdiça seu tempo? Ao contrário de 'O preço do amanhã', ninguém sabe exatamente quanto tempo tem de vida, logo, pessoas 'inteligentes', entendendo que podem ter 100 anos ou apenas mais um dia, não desperdiça seu tempo com lamúrias, com mágoas, raiva ou ainda fazendo aquilo que não gosta, que não o faz bem. Simplesmente APROVEITA!

Ahh, se todos pensassem e agissem assim. Mas o que encontramos constantemente são pessoas que ao invés de viver, por exemplo, uma grande história de amor (se dar uma chance já é um grande passo), estão brigando nas festas, nos estádios e pasmem, nos trânsito. Ao invés de fazer uma viagem, estar ao lado dos amigos ou mesmo da família, estão se acabando de tanto trabalhar, para sabe-se lá quando, aproveitar todo o dinheiro adquirido (se é que terão TEMPO para fazer isso).


Outro dia li um texto de um colunista que falava sobre 'Namorem casais, namorem', e foi impossível não compartilhar nas redes sociais. Falava da frieza dos relacionamentos hoje em dia, do tempo 'desperdiçado' dos homens e das mulheres, que entre tantas outras coisas fundamentais, esqueceram que 'foram feitos' para se completarem e não competirem (adorei isso). Que os casais descuidam da relação e depois colocam a culpa no tempo (acreditam ser natural o desgaste com o passar dos anos), na rotina, na família, nos amigos, no trabalho, no mundo. Menos em si mesmo, que não sabe aproveitar o tempo que lhe foi dado e o desperdiça com 'pequenez'.

Em 'Pronta para amar' acontece algo mais ou menos assim. Uma jovem que vivia pro trabalho e nunca permitia envolver-se emocionalmente com ninguém, devido a ter presenciado a difícil convivência dos pais (e o divórcio), que precisou descobrir uma câncer (e ter uma segunda chance) para finalmente se permitir VIVER!


Que ninguém precise perder algo (ou alguém) que valoriza ou admira tanto, ou ainda, que descubra que está com 'os dias contatos', para só então, começar a aproveitar melhor o seu tempo. Não desperdice sua vida, fazendo o que não lhe dê prazer, não jogue fora seus dias na terra, naquilo que em nada contribui para sua vida, para sua felicidade. E mais, nada de desperdiçar o tempo com tantos mimimis. Se não está satisfeito com a SUA VIDA, mude, ouse, se lançe, mas viva cada dia como se fosse único. Uma hora será! Pense nisso.

O preço do amanhã


Pronta para amar


Foto: It Girls / Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PENSAMENTO SOLTO