26 julho 2013

QUER APROVEITAR O FERIADO? VÁ PARA CAMPOS DO JORDÃO...


Holla chicas y chicos! Bien?! Esse é mais um daqueles posts megaultrahiperatrasados, que eu poderia simplesmente ignorar na caixa de rascunho, já que seria um diário de viagem, e a mesma já aconteceu há pelo ao menos uns quatro meses, maaaaas devido a viagem ter sido tão bacana (curta, mas nem por isso, deixou de ser proveitosa), por estarmos num mês de férias, e ainda, por ser feriado no Rio de Janeiro devido a vinda do Papa a cidade, logo, resolvi publicar as dicas, para que, caso alguém tenha interesse em subir a Serra, ter algumas referências. Estive em Campos do Jordão com meu noivo no feriado da Semana Santa, e devo confessar, que sou mais uma que entrou para a lista das que caíram de amores pela cidade. Campos do Jordão é apaixonante e não vejo a hora de voltar lá.

Estar entre os melhores destinos de inverno no Brasil já faz de Campos do Jordão um lugar incrível. A cidade tem suas belezas naturais e de entretenimento, que tornam a viagem inesquecível. Subir a serra, e curtir o friozinho em Campos do Jordão (São Paulo), é um programa que recomendo de olhos fechados. Me apaixonei perdidamente pela cidade, e embora não curta muito o frio (gosto mesmo é do calor, suar, derreter, rs), passei três dias incríveis e estou cheia de história para contar, rs.

Vem comigo, que no caminho eu conto o que vi e/ou provei e indico...

Onde se hospedar

Como todo lugar turístico, Campos do Jordão tem hotéis e pousadas para todos os bolsos. Tem do hotel mais luxuoso, que você gasta bons $$$$ com diárias, mas é possível ficar em pousadas bem charmosas, sem tanto luxo, mas com bastante conforto e aquele cuidado que nos faz sentir na própria casa. Um exemplo foi a pousada que ficamos o Recanto Dirrôs. Ela fica a cinco minutos de carro do centro Capivari, e indico para quem não quer gastar rios de dinheiro num lugar onde você pouco ficará (a ideia era conhecer o máximo a cidade, e não ficar dentro de hotel/pousada).


Agora se dinheiro não é problema, sugiro hotéis que primam pelo conforto com todo o requinte que um hotel de luxo pode oferecer. Exemplo? O Hotel Le Renard (a poucos metros do centro da Vila Capivari, o Le Renard é o mais novo e luxuoso Hotel em estilo normando de Campos do Jordão); o Flat Hotel Palazzo Reale (localizado apenas 500 metros do Centro de Capivari, o hotel dispõe de uma excelente infra-estrutura e ótimas instalações, um verdadeiro Palácio na Montanha); o Hotel Serra da Estrela (localizado no Centro do Capivari, o Hotel Serra da Estrela oferece uma sofisticada estrutura para sua viagem. Ambientes aconchegantes e requintados te aguardam em Campos do Jordão); o Hotel Frontenac (O Frontenac é o primeiro Hotel Boutique da Serra da Mantiqueira, onde tecnologia, serviço e estética se harmonizam dentro de um elegante estilo Clássico Europeu); e ainda, o Hotel Vila Inglesa (o hotel oferece toda a tradição de um dos mais importantes hotéis de Campos, totalmente restaurado. Um lugar ideal para quem quer descansar e se divertir).


Há ainda a opção das pousadas, que são mais em conta e claro, possui aquele charme que somente uma charmosa pode ter. Sugiro a Pousada Dotto Chateau (toda a decoração planejada em cada detalhe reflete o carinho e a atenção que nós desejamos a você. Um lugar aconchegante, montanhês, que oferece a sensação de relaxamento e de ser cuidado); Pousada Campos dos Holandeses (Localizada em dos mais lindos bairros de Campos, a mais nova pousada foi planejada para atender o Hóspede que deseja estar em meio a natureza, com completa infraestrutura)Pousada Via Campos (localizada no ponto principal da Vila Capivari, a Pousada Via Campos está entre os principais shoppings da cidade. Completando os mais conhecidos cartões postais de Campos do Jordão); Pousada Campos de Provence (Uma Pousada Especial localizada em Capivari a 4 quadras do Centrinho Turístico. Oferece atendimento diferenciado, com calefação, TV LCD, DVD, Piso aquecido nos banheiros, Frigobar, Cofre); Pousada Dos Quatis (São 15 aconchegantes chalés com opções de casal e solteiro, todos decorados e contando com lareira, telefone e tv. Os chalés contam ainda com linda vista).

Pra almoçar, jantar...

Confesso que não gravei o nome dos restaurantes que almoçamos (blogueira relapsa), com exceção do Krokodillo, que fomos no sábado, quando voltávamos do orquidário (que tentamos ver, mas desistimos). O restaurante tinha um clima agradável, um cardápio super variado, e para não dizer que achei excelente, faço uma ressalva para levar dinheiro. Não tem nada escrito sobre não aceitar cartão, logo, tivemos que sair para fazer saque e retornar ao restaurante para pagar.

Tirando esse 'contratempo', indico de olhos fechados. Outro restaurante que fomos (jantar), foi o Spazio di Paolo que eu particularmente, gostei bastante. Outro lugar que fomos e acho que ninguém deve deixar de ir, é o Baden Baden. Pense num lugar que 'ferve'. Então se quiser provar um legítimo chopp Baden Baden (não foi meu caso), chegue cedo, pois o lugar fica realmente lotado e se não quiser amargar boas horas na fila de espera (sim, ela existe), é melhor se antecipar.


Para comer uma boa massa, ou cortes de carnes nobres de caça preparadas com aromas, sabores e segredos da antiga Gália (França) vá de La Galia.  O restaurante do Frontenac também é uma excelente pedida. Se você gosta de massas, nãos deixe de ir ao Festival Della PastaO Restaurante propõe uma viagem pela Itália através da degustação de massas. O cardápio varia todos os dias. Com indicação da Revista VejaSP - Julho 2010 - , não resta dúvidas que é bom, não?! Vale muito a pena conhecer. Um restaurante que lamentei não ter ido, mas tem ótimas indicações é o Só Queijo, que fica localizado na Villa Capivari, ao lado do Shopping Market Plaza, e é um charme (passei, mas não entrei). Mas juro que a quando for novamente a Campos, não deixo de fazer um pit-stop por lá para conferir se o fondue de lá é realmente tudo isso que dizem, para dar o meu veredito. Prometo!

O que fazer na cidade...

Sabia que em Campos do Jordão vocês podem apreciar obras de artistas como Tarsila do Amaral, Cândido Portinari e Di Cavalcante, de graça? Pois é, pouca gente sabe, mas no palácio do governo  (Palácio Boa Vista, no bairro Alto da Boa Vista, bem no alto da montanha) tem todas essas obras e a entrada é gratuita! Você pode ainda ir ao Orquidário; pode passear de bondinho pela Serra da Mantiqueira, andar de teleférico para apreciar a cidade do alto; fazer patinação no gelo (The Ice); e para quem gosta mesmo é de agito, tem a Disco, que sempre tem algum top DJ. Ah, vale ainda dar uma passada no Espaço Cultural Araucária, para tomar um café ou degustar um saboroso fondue.


Festival de inverno...
Durante todo o mês de julho, acontecerá o Festival de Inverno de Campos do Jordão 2013, o maior festival de música clássica da América Latina. Com atrações na Praça do Capivari e Espaços Culturais, o evento contará com apresentações como a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, Quinteto Villa Lobos, entre outros.
Confira a programação e valores aqui.

Lembrancinhas e souvenirs...

O bairro Capivari se tornou o centro turístico da cidade, e por ali você encontra entre bares e restaurantes, várias lojas bacanas, para comprar roupas, botas e/ou acessórios para complementar o look invernal, sem esquecer, é claro, dos souvenirs para a família.

Acho que não esqueci nada. Espero que as dicas sejam úteis na sua próxima viagem. E lembre-se de se forem em algum lugar indicado pelo blog, vir aqui dar um feedback, ok ;)

No mais, aproveitem o feriado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CREME REJUVENESCEDOR TELO STRUCTURE AGE REVERSE DA ANNA PEGOVA

Foto: Divulgação Quem me conhece sabe que vivo antenada sobre produtos para tratamento e rejuvenescimento da pele. Não abro mão desse...