06 janeiro 2017

FICA A DICA :: FILME "A BELA E A FERA"

Fotos/Vídeo: Reprodução

Sou suspeita para falar dos clássicos da Disney. Amo desenhos! Branca de Neve, A bela Adormecida, Cinderela, só pra citar alguns. E quando fazem filmes do mesmo, não exito em correr pra ver. Em março estréia "A Bela e a Fera" e nem preciso dizer que estou ansiosa e meia, preciso?!

O conto de fadas foi escrito originalmente por Gabrielle-Suzanne Barbot, em 1740, e alterado por Jeanne-Marie LePrince de Beaumont em 1756. O livro sofreu modificações e isso aconteceu na versão em desenho e também acontecerá nos cinemas.

A fotografia e direção de arte do longa já impressionam de cara. A produção é uma versão fiel do desenho animado, com atores reais, mas que depende da animação para dar vida à Fera e aos objetos falantes da trama. Os fãs do clássico animado irão reconhecer várias cenas reencenadas de forma muito similar ao apresentado pelo estúdio em seu lançamento de 1991, inclusive a famosa dança entre a Bela e a Fera, em que Emma Watson aparece de vestido amarelo como nos cartazes da animação.


A trilha sonora, a história em si, tudo, nos faz estar num conto de fadas. Para quem não viu o desenho (que acho difícil), a história se resume na Bela (Emma Watson), moradora de uma pequena aldeia francesa, que tem o pai capturado pela Fera e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade do progenitor. No castelo ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é na verdade um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.


O elenco do filme conta com Emma Thompson (Harry Potter) no papel da Bela, Dan Stevens (série “Downton Abbey”) como a Fera, Luke Evans (“Drácula – A História Nunca Contada”) como o vilão Gaston e ainda Josh Gad (“Jobs”), Stanley Tucci (“Jogos Vorazes”), Kevin Kline (“Última Viagem a Vegas”), Ewan McGregor (“Jack, o Caçador de Gigantes”) e Ian McKellen (“O Hobbit”).

A direção é de Bill Condon (“A Saga Crepúsculo: Amanhecer”) e o roteiro de Stephen Chbosky (que dirigiu Emma Watson no drama adolescente “As Vantagens de Ser Invisível”).

A estreia está marcada para o dia 16 de março no Brasil, um dia antes do lançamento nos EUA.

Sério, eu me emociono com o desenho todas as vezes que vejo, logo, já estou com lencinho a postos para ver o filme, porque sei que a emoção vai rolar solta. Quem mais?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLEÇÃO LIMITED CRIS BARROS PRA INSPIRAR!

Fotos: Reprodução Sou apaixonada pelo trabalho da Cris Barros. Sempre inovando, sua coleção a cada estação é singular e inspirador...